90 dias e 1 meta

É interessante o quanto pequenas ações e escolhas transformam e/ou mudam a nossa rota diversas vezes. Não entendeu? Vou resumir a minha história... Em 2013 eu consegui o meu primeiro emprego, na área em que eu estudava (eng. civil), foram os meses em que eu acordava todos os dias pela manhã e pensava no quanto…

Depois do Não

Eu realmente ainda não sei lidar com coisas que não acontecem, coisas que não dependem mais de mim, não entendeu? Explico, imagine uma corrida de revezamento, a sua equipe precisa passar o objeto a cada "1km" para outro participante, agora coloque-se na posição do corredor, você está a mil, correndo o mais rápido que pode,…

New Cabin Crew – Update!

Hello! Vocês lembram que há pouco tempo publiquei sobre Como se tornar um Comissário de Voo? Então, depois de algumas pesquisas encontrei Minicursos AcessaSP, são cursos gratuitos, simples, básicos e onlines. Já "testei" o curso de Comissário de Bordo e óh é bem basicão mesmo! É ótimo para os que estão iniciando, porque assim aos…

Welcome New Crew

Como tornar-se um comissário de voo? Essa foi a minha primeira pergunta (entre muitas) que fiz antes de começar o curso. E resolvi fazer um post para "mostra o caminho" e aos poucos vou colocar outros posts mais detalhado sobre isso, espero que vocês gostem e que tirem algumas dúvidas. O QUE É NECESSÁRIO? No Brasil…

Change is Necessary

Minha querida você pode ser o que você quiser! Escolha o que goste e o que te faça bem. Você tem todas respostas é só pensar com calma. Isso me deixava indecisa, como eu descobriria as respostas? Cadê, como eu faço? O ensino médio ficava complicado quando o assunto era profissão/carreira, todos queriam ajudar, dar…

Das fraquezas, sutilezas e desprendimentos.

Things that the heart understands. ❤

Não Perturbe!

O despertador tocou as 3h da manhã. A alma suspirou cansada, em qualquer canto, jogada – onde é mesmo que eu estou?

E começa a rotina sem rotina, põe o gel, 15 minutos, maquiagem, despertador, check-out, van, voo.

E repete, repete, repete. Casa cheia? Quanto tempo? Se balançar não vai dar, não. E entre pernas, tem chão? 3 horas. Saco! Antes fizesse 5 voos sem parar.

O lenço aperta, a meia-calça desfia, o sorriso afrouxa – que é isso? Não entorta, não. O grampo do coque puxado dói, a perna inchada, a pele seca. Bom dia, aceita fone? Fone? Fone? Fone?

Embarque, desembarque, van, hotel.

Duas camas – uma minha, outra da mala, companhia certa, sempre. Sem a mala, já não há sustentação.

Apresentação 5h30 – finalmente, horário de gente, tem 3 dias que meu boa noite é bom dia!

Alô. Final de semana? Seu aniversário? Rola não, tem voo…

Ver o post original 261 mais palavras